JogaMiga #07 – Final da NWSL reúne os dois melhores times nas estatísticas
24 de outubro de 2019

 

Neste domingo (27), a NWSL chega ao fim da temporada com um jogo eletrizante. North Carolina Courage e Chicago Red Stars se enfrentam no Sahlen’s Stadium (Carolina do Norte), casa das já veteranas de finais e atuais campeãs. Os caminhos dos dois times ao longo da competição se cruzaram algumas vezes, e com muito equilíbrio e competitividade, ambos se mantiveram nas primeiras posições da tabela e com resultados impressionantes nas estatísticas. 

Experiência e expectativa

O Courage, atual campeão e figurando pela terceira vez consecutiva nas finais, chega ao fim do campeonato após 25 jogos com 54 gols marcados. Lidera também em número de assistências (42) e chutes a gol (171). Individualmente, o destaque fica com a atacante Lynn Williams, que lidera a estatística de chutes dados, com 87 tentativas sendo 44 diretamente para o gol. E é a vice-artilheira da NWSL, com 12 gols marcados. Sua companheira de ataque, Kristen Hamilton, é a terceira maior artilheira da competição, com 9 gols. Debinha também tem papel importante na caminhada do Courage. É a segunda colocada em assistências na liga, com 7 passes para o gol – um a menos que a líder.  

Mas quem pensa que a vaga para a final foi fácil de ser conquistada, se enganou. A partida contra o Reign FC, válida pela semifinal, foi para a prorrogação. Em casa, o time da Carolina do Norte ganhava por 1×0, gol marcado por Heather O’Reilly de pênalti. Mas Ifeoma Onumonu marcou aos 93 minutos, empatando a partida e levando a decisão para a prorrogação. Foi quando Debinha, aos 9 minutos do tempo extra, colocou o Courage na frente, e o time da brasileira ainda teve tempo de marcar mais duas vezes, encerrando a partida em 4×1. 

Artilharia pesada na final

Pelo lado de Chicago, Sam Kerr é o nome a ser destacado na equipe. É a artilheira isolada da NWSL com 18 gols marcados, 5 assistências e dispara nas tentativas de chutes a gol, totalizando 53 chances. Outro nome importante do time é Yuki Nagasato, a líder em assistências – 8 – e também 8 gols ao longo do campeonato. 

Sam Kerr é a artilheira do campeonato, e quer dar o título à sua equipe (Foto: ISIPhotos.com)

Esta será a estreia em finais do Red Stars, que passou pelo Portland Thorns FC na semi jogando em casa, na vitória por 1×0. Fazendo justiça às estatísticas, o gol, marcado aos 8 minutos de partida, foi da australiana Kerr, com assistência de Nagasato. E mesmo com os 54% de posse de bola na partida, o time de Portland não conseguiu reverter o placar e disse adeus ao campeonato. 

A decisão

Para a partida decisiva, ambos os times estarão completos, sem atletas machucadas. A meio-campista Arin Wright, do Red Stars, não jogou a semifinal por conta de doença. Mas deve estar à disposição para a decisão. Jogando em casa, o Courage é o time com mais vitórias na NWSL, totalizando 8 das 15 conquistadas. Já o Chicago, como visitante durante a liga, tem um repertório de 7 vitórias, 4 empates e 1 derrota. A partida promete ser uma grande decisão e a expectativa de público deve ser superada, com ingressos a partir de US$ 20,00. 

O jogo contará com duelos entre as goleiras que estavam na Copa da França, Steph Labbe (Canadá) e Alyssa Naeher (Estados Unidos); assim como a batalha pela artilharia entre Kerr e Williams. Nas partidas anteriores entre os dois times, um empate em 1×1 em abril e duas vitória para Chicago jogando em casa, 3×1 e 2×1. 

Por: Bruna Didario

Postado por JogaMiga Fundado em 2015, o JogaMiga é um projeto que organiza treinos e campeonatos de futebol para mulheres sem fins lucrativos, independente do grau de conhecimento na modalidade. Queremos promover o futebol feminino com valores acessíveis, proporcionando um lugar seguro para a prática, acolhedor e inclusivo - www.jogamiga.com.br.