Cearense – Guarani de Juazeiro
28 de janeiro de 2013
Categoria: 4-3-3

O
Guarani Esporte Clube, da cidade de Juazeiro, ainda não foi campeão cearense em
seus 75 anos de história, e entra no ano de 2017 com um objetivo: surpreender e
conquistar o título inédito. Foram 33 participações na elite do futebol do
Ceará, e 7 na segunda divisão do estado.

O
rubro negro vem de uma boa campanha na temporada 2016, onde foi 3º colocado e
garantiu presença na Copa do Brasil e na Série D desse ano, e caso não consiga
nessa temporada, o acesso para a Série C, terá que fazer uma campanha no mínimo
semelhante para se garantir na Série D novamente em 2018.
A
melhor campanha do Guarani aconteceu no ano de 2011, quando foi vice-campeão,
terminando atrás apenas do Ceará. Para fazer novamente uma campanha de destaque
como em 2011 e em 2016, o Guaraju entra na temporada sob o comando do treinador
Washington Luiz, que está em sua segunda passagem pelo clube desde a Série D do
ano passado.
Em 2011 o Guarani foi vice-campeão, sendo a melhor campanha do clube (Foto: Natinho Rodrigues/Agência Diário)
Paralelo
ao campeonato estadual, o Leão do Mercado disputará também no primeiro semestre
a Copa do Brasil, onde terá pela frente o Náutico, contra quem joga em casa e com
a obrigação de vencer para avançar, pela primeira vez em sua história, para a
segunda fase da competição.
Para
essa temporada recheada de desafios, a o rubro negro perdeu, por dificuldades
financeiras, alguns nomes importantes que compuseram o elenco no ano de 2016.
Para evitar mais perdas, a diretoria do Guarani tem a difícil missão de
realizar a quitação das dívidas e, ao mesmo tempo, correr atrás das necessárias
contratações para 2017, que se juntarão aos reforços já anunciados pelo Leão. O
time base para o início da jornada leonina é: Leo; Talisson, Regineldo, Luis
Gustavo e Jefinho; Da Silva, Rafael Tchuca, Adenilson, Sadrak, Ronda e Ítalo.
Postado por Lucas Araujo