Para inglês ver #21 – Fim de sequência histórica, jogador super rodado e reencontro para Jamie Vardy
20 de dezembro de 2017
Categoria: Para inglês ver

Jamie Vardy, quando ainda jogava pelo Fleetwood Town

Rolou muita coisa interessante na última semana nos gramados ao redor do Reino Unido. Teve sequência histórica sendo quebrada na Escócia, atacante assinando pelo seu 37ª clube na carreira e ex-time de Jamie Vardy avançando na FA Cup para enfrentar o Leicester. Confira tudo aqui!

ATÉ QUE ENFIM

Após 364 dias e 21 jogos disputados por diversas competições, o Sunderland finalmente venceu uma partida dentro de casa. Quase um ano havia se passado desde a última vitória dos Black Cats em seu estádio (1-0 sobre o Watford na Premier League da temporada passada). Nessa edição da Championship o Sunderland já havia disputado 10 jogos em casa, tendo 4 empates e 6 derrotas.

O adversário do último fim de semana foi o Fulham, que está bem no meio da tabela, na 12ª colocação. Os visitantes tiveram o domínio da posse de bola no jogo, com 67%, mas o Sunderland finalizou mais e criou as melhores chances, sendo a principal delas o cabeceio do atacante James Vaughan que acertou o travessão no segundo tempo. Aos 27 minutos da segunda etapa o técnico Chris Coleman do Sunderland colocou em campo Joel Asoro e Josh Maja, ambos de 18 anos. Maja fez nesse jogo a sua estreia pelo Sunderland por uma partida da liga, e foi justamente ele que marcou o gol da vitória. Cinco minutos após entrar em campo, recebeu a bola de Adam Matthews no meio da área, fez bem o pivô e tocou no canto esquerdo do goleiro do Fulham.

Com a vitória por 1-0, o Sunderland saiu da zona do rebaixamento e está com 18 pontos conquistados em 22 partidas mas, mesmo assim, ainda é o time com menos vitórias no campeonato: apenas três (empatado com o Bolton Wanderers).

TIME CASEIRO

Ao contrário do Sunderland, o problema do Queens Park Rangers esse ano era vencer fora de casa. Fazia 18 jogos que o time não vencia como visitante, desde fevereiro desse ano quando bateu o Birmingham fora de casa por 4-1.

Nessa temporada o QPR já havia disputado 10 partidas fora de casa, com sete derrotas e três empates.
E por ironia do destino, a quebra dessa péssima sequência fora de casa aconteceu justamente contra o Birmingham, o último time que o QPR havia vencido como visitante. Jack Robinson, lateral esquerdo de 24 anos, marcou os dois gols da vitória do seu time por 2-1. O curioso é que nessa partida ele marcou o seu primeiro gol como jogador profissional, e foram logo dois.

Com a derrota, o Birmingham caiu para a última colocação na tabela, com apenas 16 pontos conquistados em 22 partidas até aqui nessa Championship.

QUEDA DRÁSTICA

Cinco rodadas atrás o Sheffield United estava na segunda colocação da Champonship, somente 2 pontos atrás do líder Wolverhampton. Desde então o time teve 4 derrotas e 1 empate, tendo sofrido 12 gols nesse período. A última derrota veio no último sábado fora de casa para o Preston North End, que venceu por 1-0 com um gol do atacante Jordan Hugill.

Com os últimos resultados, o Sheffield United caiu para a 6ª colocação na tabela, somente um ponto acima do Leeds e dois pontos acima de Ipswich Town e Preston North End, que o seguem de perto.

Jogadores do Sheff United desolados após mais uma derrota

QUE TAPA!

Em julho desse ano o Wolverhampton anunciou a contratação do meia português Rúben Neves junto ao Porto pelo valor de 15,8 milhões de libras, o maior valor já pago pelo clube e por qualquer time da segunda divisão inglesa.

Na última sexta feira Rúben Neves marcou o seu segundo gol em 21 partidas com a camisa do Wolverhampton na vitória por 1-0 sobre o Sheffield Wednesday fora de casa. Foi um belo gol, confira:

REENCONTRO

Hereford FC, da 7ª divisão inglesa, e Fleetwood Town, da 3ª, se enfrentaram na última quinta feira pelo jogo desempate da terceira fase da FA Cup. No jogo de ida, os dois times empataram em 1-1 na casa do Fleetwood, o que forçou o jogo desempate no estádio do Hereford. Falamos no último Para inglês ver sobre como os torcedores do Hereford tiveram grande importância para que esse jogo pudesse acontecer, pois ajudaram a remover toda a neve do gramado.

As quatro divisões de diferença entre os dois clubes fizeram diferença dentro de campo. Com dois gols de cabeça do zagueiro Cian Bolger, o Fleetwood venceu por 2-0 fora de casa. Na próxima fase o Fleetwood Town receberá o Leicester City.

Esse confronto será marcado pelo reencontro entre Jamie Vardy e o seu ex-clube. Vardy jogou somente uma temporada pelo clube, a de 2011/12, quando o Fleetwood ainda estava na 5ª divisão. Foi uma grande temporada para o atacante, com 34 gols marcados em 42 partidas pelo clube. Trinta e um gols foram marcados na liga, fazendo com que Vardy terminasse como artilheiro da competição. Em maio de 2012, Vardy foi contratado pelo Leicester City pelo valor de 1 milhão de libras, o valor mais caro já pago por um jogador non-league (que joga abaixo da 4ª divisão inglesa).

Cian Bogler marca duas vezes de cabeça para o Fleetwood

REVANCHE

Em abril desse ano o Tranmere Rovers esmagou o Solihull Moors por 9-0 em uma partida da 5ª divisão inglesa. Os dois times foram sorteados para se enfrentar na FA Trohpy, uma espécie de Copa da Inglaterra para times da 5ª, 6ª e 7ª divisões inglesas.

O jogo estava sendo disputado no último sábado e o Tranmere Rovers ia vencendo fora de casa por 1-0 até que aos 43 do primeiro tempo um apagão no estádio fez com que a partida fosse adiada para a próxima segunda feira, começando do 0-0. E dessa vez quem se deu bem foi o Solihull Moors, que venceu por 2-0 com gols de Jamey Osborne e Jermaine Hylton. A torcida do Tranmere ficou na bronca, pois além de ter viajado 150km à toa, o placar de 1-0 que tinha conquistado no sábado não foi contabilizado para o jogo de segunda feira.

Na partida de sábado, 363 torcedores foram ao estádio. Já na segunda, foram somente 215. Essa foi a partida por competições oficiais com o menor público da história do Tranmere Rovers. O menor público anterior havia sido em 15 de novembro de 1994, quando somente 286 viram a partida entre Lecce e Tranmere na Itália pela Copa Anglo-Italiana.

EMPATE CHORADO

O Rotherham United recebeu o Plymouth Argyle no último sábado pela 22ª rodada da League One, a 3ª divisão inglesa. O time da casa buscava se aproximar mais da zona dos playoffs, enquanto o Plymouth Argyle tentava sair da zona do rebaixamento. No primeiro tempo o Rotherham teve as melhores chances, mas toda a ação ficou reservada para a segunda etapa. Logo aos cinco minutos do segundo tempo, o lateral Richard Wood do Rotherham foi expulso pelo segundo cartão amarelo após uma falta desnecessária no meio campo (o primeiro cartão tinha sido recebido após uma falta no goleiro adversário). Com um homem a mais, o Plymouth Argyle foi pra cima e pressionou até que aos 37 minutos da segunda etapa o atacante Ryan Taylor marcou o gol que tirava os visitantes da zona do rebaixamento. Com cinco minutos de acréscimo, o Rotherham tentou o gol de empate: e conseguiu. Aos 48 do segundo tempo, o zagueiro Oluwasemilogo Adesewo Ibidapo Ajayi, também conhecido como Semi Ajayi, marcou esse gol chorado após cobrança de escanteio (confira abaixo).

Com esse empate, o Rotherham United fica 5 pontos atrás do Charlton Athletic, o primeiro time dentro da zona dos playoffs. Já o Plymouth Argyle continua na zona do rebaixamento com 21 pontos, um a menos do que o Northampton Town, o primeiro time fora da zona.

NADA DE REPLAY

Chester FC e AFC Fylde, ambos da 5ª divisão inglesa, se enfrentaram no último sábado pela FA Trophy. Após um primeiro tempo sem gols, o Chester começou o segundo tempo com tudo e marcou logo aos 6 minutos com um gol do atacante Ross Hannah (o seu 4ª gol nos últimos 5 jogos). O jogo estava lá e cá até a metade da segunda etapa, quando o AFC Fylde realmente começou a pressionar, até que o jovem de 17 anos Serhat Tasdemir fez o gol de empate dos visitantes aos 45 do segundo tempo.

Segundo o regulamento da FA Trophy, se o jogo terminar empatado será disputada uma partida desempate, o replay, com o mando de campo trocado. Mas o regulamento também diz que, caso as duas equipes concordem, pode ser disputada prorrogação e pênaltis para decidir o vencedor sem necessidade do jogo desempate. E foi exatamente isso o que aconteceu. Logo aos 4 minutos da prorrogação o AFC Fylde virou o jogo com um gol do atacante Danny Rowe e quatro minutos depois o Chester empatou o jogo novamente com um gol de Lucas Dawson. O resto da prorrogação foi de pressão do Chester, que não conseguiu o gol da vitória. Com o empate, a partida foi para a disputa de pênaltis, que foi vencida pelo Chester por 5-4.

O Chester FC avança na FA Trophy

MAIS VALE UMA BOLA NO GOL DO QUE DUAS NA TRAVE

Fleetwood Town e Peterborough United se enfrentaram no último domingo pela 22ª rodada da League One. Enquanto o Peterborough lutava por uma vaga nos playoffs, o Fleetwood estava no meio da tabela, sem muitas ambições no campeonato. E quem abriu o placar foi o Fleetwood, os donos da casa, com um gol do lateral Amari’i Bell aos 29 da primeira etapa, mas aos 10 do segundo tempo o Peterborough empatou com um gol de cabeça de Michael Doughty após lançamento de Marcus Maddison. Poucos minutos depois, Maddison acertou um belo chute de fora da área que acabou no travessão. O jogo continuou empatado por um bom tempo, até que aos 37 da segunda etapa o zagueiro Cian Bolger colocou o Fleetwood novamente na frente do placar após um bate-rebate na área do Peterborough. O time da casa teve a chance de aumentar ainda mais a vantagem no placar quando Jack Sowerby acertou o travessão em uma cobrança de falta na entrada da área. O ditado ”quem não faz leva” realmente funcionou aqui: aos 43 do segundo tempo Marcus Maddison lançou a bola do seu campo de defesa até a área adversária e achou Jack Marriott, que dominou e marcou o gol de empate do Peterborough. E a virada veio logo em seguida: após uma falta cobrada por Marcus Maddison, o goleiro Alex Cairns do Fleetwood rebateu a bola para o meio da área e meia Danny Lloyd fez o gol da virada do Peterborough United. O Fleetwood ainda teve a chance de empatar a partida novamente no último lance da partida, mas Devante Cole acertou o cabeceio no travessão. Fim de jogo: Fleetwood 2-3 Peterborough.

Com a vitória, o Peterborough vai chega aos 32 pontos, três atrás do Charlton, primeiro time dentro da zona dos playoffs. Já o Fleetwood fica na 15ª colocação com 27 pontos.

O NÔMADE

O atacante de 38 anos Jefferson Louis assinou nessa semana com o seu 37º clube diferente na carreira. Louis estava no Banbury United, da 7º divisão inglesa, onde quebrou o recorde de 50 anos do clube ao marcar pelo menos um gol nos sete primeiros jogos da temporada pela equipe. No total foram 17 gols em 27 jogos pelo Banbury nessa temporada. Agora ele jogará pelo Chesham United, da mesma divisão.

Louis fez mais de 50 partidas por somente dois clubes: o Oxford United entre 2002 e 2004 e o Wealdstone FC, dez anos depois. Entre alguns times mais conhecidos pelos quais Louis jogou, estão Forest Green Rovers, Mansfield Town, Wrexham, Bristol Rovers, Darlington, Lincoln City, Newport County e Oxford United.

Jefferson Louis também já jogou uma partida pela seleção de Dominica em 2008 pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010, quando perderam para Barbados por 1-0.

Em 2001, quando tinha 22 anos e havia jogado por apenas quatro clubes na carreira até então, Louis foi condenado a 1 ano de prisão por dirigir sem ter carteira de motorista, mas acabou sendo solto após 6 meses.

69 JOGOS DEPOIS

Vamos abrir uma exceção hoje para falarmos do futebol escocês: a incrível sequência invicta do Celtic acabou. Foram 69 jogos sem perder em competições escocesas, sendo 55 partidas pela liga escocesa (incluindo a temporada passada inteira, quando foram campeões invictos) e 14 por outras copas. A última derrota tinha sido 585 dias atrás para o St Johnstone pelo campeonato escocês.

No último domingo o Celtic visitou o Heart of Midlothian no Tynecastle e perdeu feio: 4-0 para o Hearts. A derrota foi mais feia ainda pelo fato do Hearts ter dois jogadores de 16 anos em campo: Anthony McDonald e Harry Cochrane, esse último marcou o primeiro gol da partida. Além disso Kyle Lafferty, ex-atacante do Rangers, maior rival do Celtic, marcou um dos gols do Hearts na partida (veja abaixo).

Apesar da derrota, o Celtic se mantém firme na liderança do campeonato escocês com 41 pontos conquistados em 18 partidas.

TORCIDA DA SEMANA

Quase 4,000 torcedores do Sheffield United foram até Preston e viram a derrota do seu time para o Preston North End por 1-0. Mais sorte da próxima vez!

GOLAÇO DA SEMANA

Mark Byrne, do Gillingham, marcou esse GOLAÇO de voleio na vitória do seu time sobre o Bristol Rovers por 4-1 no último sábado

TIME DA SEMANA

Time dos melhores jogadores da rodada da EFL (2ª, 3ª e 4ª divisões).

JOGADOR DA SEMANA

O lateral Jack Robinson marcou os seus dois primeiros gols da carreira na vitória do QPR sobre o Birmingham fora de casa por 2-1. É o melhor jogador da semana!

Postado por Eduardo Werner De São José dos Pinhais - PR, tenho 18 anos e estudo Relações Internacionais. Sou fã do futebol inglês e escocês, torço para Atlético Paranaense, Manchester United, Celtic e South Shields, da 7ª divisão inglesa