• Para inglês ver #19 – FA Cup, brasileiros voando e torcedor “cagando” para o time
    6 de dezembro de 2017
    Categoria: Para inglês ver

     

    Rodada decisiva da Champions League, clássico na Premier League e sorteio dos grupos da Copa do Mundo. Tudo isso rolou na última semana, mas também passou muita coisa despercebida nos gramados das divisões inferiores na Inglaterra. Teve partida beneficente entre torcedores e policiais, brasileiros em ótima fase e torcedor literalmente cagando pro seu time. Vem com a gente!

    WEST MIDLANDS DERBY

    Na última segunda-feira, o Birmingham City recebeu no St Andrews Stadium o Wolverhampton, líder da Championship. Essa que é uma das inúmera rivalidades da região de West Midlands na Inglaterra (qualquer confronto entre Aston Villa, Birmignham City, Wolverhampton e West Bromwich). O time da casa precisava de uma vitória para sair da zona de rebaixamento, mas não foi bem isso que aconteceu. O brasileiro Léo Bonatini abriu o placar para os Wolves logo aos 8 minutos do primeiro tempo com um gol em que a bola entrou totalmente, mas que gerou dúvida e o árbitro teve que usar a tecnologia da linha do gol. E foi só isso, vitória do Wolverhampton por 1-0.

    O brasileiro Léo Bonatini está na vice-artilharia da Championship com 12 gols, um a menos do que o artilheiro Leon Clarke do Sheffield United. Os Wolves são líderes da segunda divisão, com 4 pontos de folga para o segundo colocado Cardiff City e 10 pontos na frente do terceiro colocado Bristol City. Caminham a passos largos para a Premier League!

    Já o Birmingham City continua na zona do rebaixamento. Na próxima rodada enfrentam o Fulham fora de casa precisando de uma vitória. O problema é que os Blues não venceram nenhuma partida fora de casa nessa temporada.

    Léo Bonatini pede para o juiz validar o seu gol.

    VAI ONDE AMIGO?

    Antes do clássico, na entrada dos times, o fotógrafo foi tirar uma foto do capitão Michael Morrison do Birmingham City e acabou levando esse tombo, veja só:

    RIVALIDADE LOCAL?

    Derby County e Burton Albion, que é treinado por Nigel Clough, filho do lendário Brian Clough, se enfrentaram no último sábado no Pride Park Stadium em Derby. O Derby County dominou o jogo inteiro e coneguiu o único gol da partida aos 36 do segundo tempo com o atacante escocês Johnny Russell.

    As cidades de Derby e Burton ficam a apenas 15km de distância, mas você deve ter notado que eu não chamei essa partida de clássico em nenhum momento. Acontece que o Burton Albion disputava a 7ª divisão inglesa até o ano de 2001, virou um time totalmente profissional só em 2009 e chegou na Championship só em 2016. A maior parte dos torcedores do Burton também são torcedores do Derby County, e muitos torcedores do Derby acompanhavam o Burton quando ele ainda era non-league, por ser um clube local. Essa amizade ficou ainda maior quando Nigel Clough chegou ao comando do Burton Albion em 2009. Nigel é filho de Brian Clough, lendário treinador do Derby County que comandou o time no seu primeiro título inglês.

    Apesar de vizinhos, a rivalidade entre Burton e Derby é mínima.

    WEST LONDON DERBY

    O Brentford recebeu o Fulham no último sábado no Griffin Park por um dos clássicos do oeste de Londres (qualquer partida entre QPR, Chelsea, Fulham e Brentford). O Fulham abriu o placar aos 25 do primeiro tempo com um gol do congolês Neeskens Kebano. O Brentford empatou o jogo com um gol do espanhol Sergi Canós que foi construído através de uma bela jogada de Ollie Watkins (veja abaixo). O são-cristovense Romaine Sawyers virou a partida no começo do segundo tempo e Ollie Watkins fechou o placar em 3-1 para o Brentford no finalzinho da partida.

    Com a vitória, o Brentford ultrapassou os rivais na tabela e pulou para a 11ª colocação com 27 pontos, enquanto o Fulham caiu para a 15ª posição com um ponto a menos.

     

    COMO UM GATO

    O Ipswich Town recebeu o Nottingham Forest no Portman Road e venceu por 4-2. Essa foi uma vitória importantíssima para os Tractor Boys, que agora estão na 7ª colocação, somente três pontos atrás do Derby County, o primeiro time dentro da zona dos playoffs

    Apesar dos quatro gols marcados pela equipe, o goleiro polonês Bartosz Bialkowski foi o grande destaque do Ipswich na partida, salvando o time diversas vezes. Confira:

    BRASILEIRO EM BOA FASE

    Outro brasileiro que está jogando muito na Inglaterra é o lateral Ricardinho, que joga no Oxford United, da terceira divisão. Com quatro passes para gol, ele foi o jogador com mais assistências entre as quatro primeiras divisões inglesas no mês de novembro. O Oxford United está na 10ª colocação com 27 pontos, sete acima da zona de rebaixamento e oito abaixo da zona dos playoffs.

    Aqui no Brasil, Ricardinho jogou pelo Coritiba entre 2003 e 2009, com um empréstimo para o Atlético Mineiro em 2007.

    CAGANDO PARO TIME

    Todos nós sabemos que o Sunderland está indo de mal a pior na segundona inglesa. O time está na penúltima colocação da tabela com apenas duas vitórias em 20 jogos disputados e não vence uma partida em casa pela liga há 21 jogos, um recorde negativo na história do futebol inglês. E na última rodada não foi diferente: derrota por 3-1 para o Reading em casa.

    Os torcedores estão tão bravos com a equipe que estão, literalmente, cagando pro time. Um torcedor dos Black Cats simplesmente abaixou as calças e defecou na sua cadeira do Stadium of Light durante a partida desse fim de semana. Depois do incidente ele foi levado pelos seguranças para fora do estádio.

    NÃO CONFIE EM UM ZAGUEIRO QUE JOGA DE CALÇAS

    Uma partida diferente aconteceu no último fim de semana. Times formados pelos torcedores do Harrogate Town, da 5ª divisão, e pela polícia de North Yorkshire se enfrentaram em um amistoso beneficente. Dá pra imaginar que o nível do jogo não foi dos melhores. E é verdade: olha só o primeiro gol do jogo, que acabou com a vitória da polícia por 7-4.

    CLUBE FAMILIAR?

    A torcida do Millwall ficou conhecida aqui no Brasil principalmente pelo filme Hoolligans de 2005. Em 2017 a torcida dos Lions se envolveu em uma série se situações. Primeiro, conseguiram algemar um policial a um portão antes do jogo contra o Tottenham na FA Cup em março. Três meses depois, em Junho, um torcedor do Millwall enfrentou os terroristas do ataque à London Bridge. Segundo relatos, o heroi gritou ”Vão se foder, eu sou Millwall!” e partiu pra cima dos terroristas. Ele quase morreu por causa dos cortes de facão, mas conseguiu derrubar um dos terroristas.

    E nesse final de semana eles roubaram a perna falsa de um torcedor do Sheffield United e levaram ela pra tomar uma cerveja. Acontece que o Millwall ganhou o prêmio de clube da família desse ano na Inglaterra! Meio estranho, não?

    O MAIOR

    O FC United of Manchester, clube fundado em 2005 por torcedores do Manchester United insatisfeitos com a venda do clube para a família Glazer, tem um novo maior artilheiro. Tommy Greaves, atacante de 32 anos que também é o técnico do time, chegou nesse fim de semana ao seu 100º gol pela equipe e passou Rory Patterson, que tinha 99 gols, como maior artilheiro da história do clube.

    RUGBY OU FUTEBOL?

    Nessa semana foi comemorado o dia se St Andrews, o padroeiro da Escócia, então iremos falar um pouco sobre o futebol escocês aqui. No último sábado Hearts e Hamilton jogaram no Tynecastle Park pela 16ª rodada do escocesâo. O estádio acabaou de ser reaberto após uma reforma que expandiu a sua capacidade de 17,420 para 20,100.

    No segundo tempo da partida, que acabou em 1-1, o meia Darian MacKinnon do Hamilton e o auxiliar técnico Austin McPhee do Hearts se envolveram em uma cena curiosa. McPhee tentou ganhar tempo não deixando o meia do Hamilton pegar a bola para cobrar o lateral e ambos acabaram indo para o chão. Começou então uma confusão que acabou envolvendo até os seguranças do estádio e que terminou na expulsão do auxiliar técnico do Hearts. Após o jogo, tanto McPhee como MacKinnon alegaram que foram derrubados pelo outro.

    FA CUP

    No último fim de semana foi disputada a Second Round da FA Cup. Foram 20 jogos disputados e falaremos sobre os mais interessantes.

    QUE CABECEIO!

    O Bradfiord City recebeu o Plymouth Argyle no Valley parade e venceu confortavelmente por 3-1. O segundo gol do time da casa foi marcado pelo zagueiro Knight-Percival com esse gol de cabeça sem querer. Deve ter doido, mas valeu a pena!

    EMPATE HERÓICO

    O Blackburn recebeu o Crewe Alexandra no Ewood Park e começou o jogo com tudo. Aos 20 do primeiro tempo o Blackburn já vencia o jogo pelo placar de 3-0. Tudo dava certo para os Rovers até que Rekeem Harper foi expulso aos 33 minutos por cometer um pênalti para o Crewe, que foi convertido. Logo no começo do segundo tempo o Blackburn perdeu mais um jogador expulso, Elliott Bennett, ao cometer uma falta desnecessária no meio-campo fora do lance da bola. E não deu outra: dez minutos depois o Crewe Alexandra empatou ou jogo após dois gols de cabeça de Eddie Nolan e Chris Porter. A partida desempate acontecerá na próxima terça-feira.

    FAIR PLAY?

    O Luton Town viajou até o norte da Inglaterra para enfrentar o Gateshead, que disputa a 5ª divisão inglesa. Venceu tranquilamente por 5-0, mas o primeiro gol foi polêmico. O goleiro Dan Hanford do Gateshead se chocou com o companheiro de time Scott Barrow, que se machucou seriamente. Com Barrow caido no chão, Olly Lee marcou para o Luton. Barrow ficou no gramado por cerca de 15 minutos passando por atendimentos até que foi levado para um hospital próximo. Faltou fair play?

    NO CAMINHO CERTO

    O AFC Fylde, da 5ª divisão, recebeu na úlyima sexta feira o Wigan Athletic no Mill Farm, o seu pequeno porém charmoso estádio. E não fez feio: após sair atrás no placar com um gol do norte-irlandês Will Grigg, conseguiu o empate aos 25 do segundo tempo com um gol de pênalti. O jogo desempate acontece na próxima terça feira, no DW Stadium em Wigan.

    Dez anos atrás o AFC Fylde estava na 10ª divisão inglesa e ainda se chamava Kirkham & Wesham FC. Mudou de nome e colocou uma meta de chegar na National League, a 5ª divisão, até 2017. Conseguiu exatamente em cima do prazo. A outra meta é de chegar na Football League, da quarta divisão para cima, até 2022.

    Em 2016 o clube inaugurou o seu moderno estádio, com capacidade para 6,000 torcedores, que inclui todo um centro comercial com hotel, supermercado, restaurante, posto de gasolina, campos de futebol para a comunidade e centros de ciência esportiva. Com certeza o time anda no caminho certo.

    FIZERAM BONITO

    Os três times das divisões mais baixas ainda vivos no torneio, Oxford City da 6ª divisão e Leatherhead e Hereford FC da 7ª, fizeram bonito, mesmo que não tenham se classificado.

    O Oxford City viajou até Nottingham e enfrentou o Notts County no Meadow Lane. Ficou atrás do placar duas vezes e conseguiu empatar em ambas, lutou até o final mas acabou cedendo o gol da vitória do Notts County aos 50 do segundo tempo.

    Pouco mais de 1,150 torcedores do Leatherhead foram até o Adams Park em High Wycombe para o seu confronto contra o Wycombe Wanderers. Saíram na frente aos 8 do primeiro tempo com um gol de pênalti do seu auxiliar técnico, que também é jogador, Jack Midson. Levaram o empate aos 29 da primeira etapa e conseguiram segurar a pressão até os 31 do segundo tempo, quando Craig Mackail-Smith fez o gol. Levaram o terceiro aos 96 do segundo tempo com um gol de Adebayo Akinfenwa, mas o time da 7ª divisão não decepcionou.

    Já o Hereford FC fez a longa viagem até o noroeste da Inglaterra para enfrentar o Fleetwood, da terceira divisão, que jogo quatro divisões acima, a maior diferença nessa fase da FA Cup. 977 dos seus torcedores foram junto e comemoraram muito o gol do meia Calvin Dinsley aos 23 do primeiro tempo. Levaram o empate seis minutos depois e o jogo acabou com esse mesmo placar. O jogo desempate será disputado na próxima terça-feira.

    O Wycombe Wanderers, de Akinfenwa, avança na FA Cup

    QUASE DEU

    Outro time pequeno que quase conseguiu se classificar foi o Woking, da 5ª divisão, que recebeu o Peterborough United, da terceira. Os visitantes saíram na frente aos 24 minutos da primeira etapa com um gol do zagueiro Ryan Tafazolli. O Woking empatou aos 39 do segundo tempo com um gol do ponta Joe Ward e teriam ganhado a partida se não fosse esse pênalti defendido pelo goleiro Jonathan Bond do Peterborough.

    PRÓXIMA FASE

    Os confrontos da próxima fase da FA Cup já foram sorteados. Nessa fase entram os times da Premier League e da Championship. Além dos clássicos entre times da Premier League, Liverpool x Everton e Brighton x Crystal Palace, o Middlesbrough receberá o Sunderland no clássico dos rios Tees e Wear. Outro confronto interessante será a ida do AFC Wimbledon até Wembley para enfrentar o Tottenham. Wolverhampton, Norwich e Nottingham Forest terão mais uma chance de eliminar times da Premier League em copas esse ano. Eles que foram eliminados da Copa da Liga por Manchester City, Arsenal e Chelsea, respectivamente.

    O vencedor do jogo desempate entre Hereford FC e Fleetwood enfrentará o Leicester em casa. Seja quem vencer, será um grande jogo. Se passar, o Hereford será o único time da 7ª divisão ainda vivo na copa. Já se o vencedor for o Fleetwood, Jamie Vardy reencrontrará o seu antigo clube.

    Confira todos os confrontos:

    VIRADA ESPETACULAR

    O Plymouth Parkway, da 10ª divisão inglesa, recebeu o Westfields, da nona divisão, pela Third Round da FA Vase, uma espécie que copa da Inglaterra para equipes da 9ª divisão para baixo. Foi um jogaço. Aos 30 do primeiro tempo Glyn Hobbs abriu o placar para o time de Plymouth e ainda na primeira etapa o Westfields teve duas bolas tiradas em cima da linha pelos defensores do time da casa. Aidan Thomas empatou para o time visitante no começo do segundo tempo e quinze minutos depois Glyn Hobbs marcou o seu segundo gol na partida e deixou o time de Plymouth novamente na liderança. O jogo continuou assim até os 45 do segundo tempo, quando Craig Jones empatou a partida novamente e, cinco minutos depois, aos 50 do segundo tempo, Jamie Molyneux virou a partida e deu a vitória para o Westfields

    Depois da partida foi só festa no vestiário visitante, ao som de ”Sweet Caroline” Depois da partida foi só festa no vestiário visitante, ao som de ”Sweet Caroline”

    TORCIDA DA SEMANA

    Cerca de 2,500 torcedores do Aston Villa foram até o Elland Road e acompanharam o empate do seu time com o Leeds United por 1-1.

    GOLAÇO DA SEMANA

    O atacante Omar Bogle do Cardiff City marcou esse belo gol de letra na vitória do seu time sobre o Norwich City por 3-1 na última sexta-feira.

    TIME DA SEMANA

    Time dos melhores jogadores da rodada da EFL (2ª, 3ª e 4ª divisões).

    JOGADOR DA SEMANA

    O atacante Gary Madine marcou dois gols na vitória do Bolton Wanderers por 3-1 em cima do Barnsley. A vitória tirou o Bolton da zona do rebaixamento. Madine é o jogador da semana!

    DO BRASIL PARA A INGLATERRA

    Agora é uma coisa mais pessoal. Quem acompanha a série desde o começo pode ter percebido que um pequeno time em especial, o South Shields, da 8ª divisão inglesa, tem aparecido diversas vezes nos textos. Acontece que eu comecei a realmente acompanhar o time de uns tempos pra cá, e foi justamente por causa da série. Na primeira vez que eu escrevi sobre o time aqui eu tive que pedir umas informações para um perfil de torcedores do clube, que então pediram para eu compartilhar o texto final no grupo do Facebook deles. Desde então eu comecei a acompanhar o time cada vez mais, ouvindo os jogos em rádios online quando disponíveis, acompanhando nas redes sociais e tudo mais. O clube então fez uma pequena entrevista comigo e colocou no ”match programme” deles, a revista pré-jogo que todo clube inglês tem. Não vou traduzir tudo, pois ficaria muito grande, mas ta aí a foto pra quem quiser ver.

    O torcedor responsável por fazer a revista prometeu me enviar uma cópia, junto com uma caneca, bóton e adesivos. Vamos ver se vai chegar mesmo!

    Postado por Eduardo Werner De São José dos Pinhais - PR, tem 17 anos. Entusiasta do futebol inglês. Torce para Atlético Paranaense e Manchester United