MEMÓRIA FC#37 – O antigo White Hart Lane
26 de fevereiro de 2019
Resultado de imagem para white hart lane

Como os Spurs estão para inaugurar a sua nova casa (que terá o mesmo nome e está sendo levantada do zero no mesmo lugar da antiga), decidimos falar um pouco do antigo habitat e sua história. Ainda que o clube tenha adiado a inauguração para o meio do ano e esteja mandando seus jogos no lendário Wembley.

Mas antes de falar sobre o estádio em si, vamos fazer uma pequena contextualização histórica da época. O Tottenham, dono do estádio, foi fundado em 1882 e até 1888 o clube disputava pequenas partidas em um parque público da região. Por disputar suas partidas em uma área pública, o clube não podia cobrar ingressos dos seus torcedores que foram aumentando gradativamente com o passar dos anos, além do próprio parque não possuir estrutura para acomodar tantos fãs. O clube então decidiu se mudar, seu destino foi um terreno logo atrás do White Hart pub. Este terreno era, até então, um antigo viveiro que não vinha sendo utilizado, cujo dono era a companhia Charrington Brewery. Em virtude disso, o Tottenham alugou o local, fez uma pequena reforma, colocou algumas arquibancadas temporárias e fez o seu primeiro campo de futebol, com capacidade para 2.500 torcedores.

Com a profissionalização do futebol na Inglaterra e com o crescimento financeiro e popular do clube, o Tottenham adquiriu o terreno em definitivo e após uma série de obras, compras de outros terrenos nos arredores e negociações, o estádio foi expandido para 40.000 lugares. Após isso, o local foi rearranjado pelo famoso arquiteto Archibald Leitch, que trabalhou em outros estádios da Inglaterra como o Anfield Road, o Goodison Park e o Stamford Bridge. Archibald dividiu o Lane em pavilhões que foram sendo construídos aos poucos, sendo o pavilhão leste o primeiro. Os anos posteriores foram de crescimento e modernização do White Hart Lane com a construção dos outros pavilhões e expansão das dependências do clube como um todo. O modelo projetado por Leitch permaneceu o mesmo durante vários anos até que, progressivamente, foram começando a se instalar cadeiras no estádio. Em 1980 o antigo pavilhão oeste foi demolido e deu lugar a uma nova arquibancada com 6.500 cadeiras, que permaneceu até o fechamento do estádio, processo esse que foi levado adiante e repetido em todos os outros pavilhões.

Resultado de imagem para white hart lane

Foram muitas alegrias neste lugar.

Após todas essas reformas e modificações no estádio, sua capacidade foi extremamente reduzida, chegando a marca de 36.284 pessoas no limite de ocupação. Depois da virada do milênio, dirigentes do clube começaram a estudar uma possível mudança de casa, argumentando que o estádio era pequeno comparado à popularidade do clube e de sua marca. Com isso e vendo também outros clubes rivais como Arsenal e Manchester United reformando e expandindo a capacidade de seus estádios, o Tottenham decidiu por fechar e demolir o antigo White Hart Lane para a construção de uma nova arena mais moderna e com capacidade para pouco mais de 62.000 pessoas. Palco de inúmeros jogos memoráveis, gols espetaculares e momentos marcantes, o antigo White Hart Lane foi um estádio bem charmoso e folclórico e estará vivo e presente no coração de cada torcedor dos Spurs.

Alguns momentos e fatos que separamos sobre esse colosso do futebol inglês:

– O maior público registrado no estádio foi de 75.038, no dia 05/03/1938 na partida entre Tottenham x Sunderland pela FA Cup;

– Além de futebol, o White Hart Lane já foi palco de partidas de baseball (o próprio Tottenham já possuiu um time oficial de baseball), futebol americano e lutas de boxe;

– O maior placar do estádio foi um 13×2 (!) do Tottenham contra o Crewe Alexandra pela FA Cup em 1960.

– A maior vitória do Tottenham por ligas no estádio foi um 9×0 contra o Bristol Rovers em 22/10/1977 e pela Premier League foi um 9×1 contra o Wigan em 22/11/2009, vitória essa que garantiu ao Tottenham o recorde de mais gols marcados em uma única partida pela Premier League;

– O maior artilheiro do estádio é Jimmy Greaves (do qual já falamos aqui, na série Ícones Alternativos), com 176 gols. E o jogador com mais partidas na história do estádio é Steve Perryman, que disputou 436 partidas;

– O estádio recebeu esse nome por ter sido construído perto de do pub com o nome de White Hart, como dito acima, que foi construído em uma rua de mesmo nome.

Postado por Thiago Zumpichiate