Boleiras F.C #01 – A importância da Copa América Feminina
15 de maio de 2018
Resultado de imagem para brasil campeao copa america femenina 2018

 

Nesta terça-feira, estreamos a nova série do 4-3-3: Boleiras F.C. Essa sessão vai trazer todas as novidades, curiosidades e informações do futebol feminino pelo mundo. Desde a Copa do Mundo até o Campeonato Brasileiro, nossa intenção é dar um espaço especial para a modalidade feminina no site. Esperamos que vocês gostem!

A Copa América Feminina deste ano ocorreu em Coquimbo e em La Serena, no Chile, entre os dias 4 e 22 de Abril. O torneio envolveu dez seleções, divididas em dois grupos, no grupo A ficaram: Chile, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai. Enquanto o grupo B foi composto por: Argentina, Bolívia, Brasil, Equador e Venezuela.

O quadrangular final ficou entre Brasil, Argentina, Chile e Colômbia. As hermanas aplicaram 3 a 1 na Colômbia, enquanto as brasileiras venceram a seleção chilena por 3 a 1. Na segunda rodada, Colômbia e Chile empataram pelo placar mínimo enquanto o Brasil enfiou 3 a 0 na Argentina. O título já estava matematicamente com a seleção brasileira, porém, para consagrar a bela campanha, as meninas fizeram 3 a 0 sobre a Colômbia e as donas da casa golearam a Argentina por um sonoro 4 a 0.

A seleção brasileira foi, mais uma vez, a equipe campeã, chegando ao incrível total de sete títulos em oito edições disputadas, absurdo. A única vez que as nossas meninas não ganharam o troféu foi em 2006, quando a Argentina levou o caneco em casa, sobre nós, pela diferença de um ponto. Além disso, há também a Copa América Feminina  sub-20 e sub-17. Neste ano, o Brasil se deliciou nas duas categorias.

Afinal, qual a importância da Copa América no futebol feminino?

Além de claro, deixar implícito quem é a melhor seleção do continente, a competição também garante classificação para a Copa do Mundo de 2019, que será sediada na França (duas vagas diretas e uma repescagem), duas vagas para as Olimpíadas de 2020, e as quatro seleções do quadrangular final disputarão os jogos Pan-Americanos de 2019. O Brasil já se garantiu nestes torneios, após vencer o campeonato deste ano.

Mensagem da mascote da competição, a Gabi

 

As Chilenas em segundo, garantiram a classificação direta para o Mundial e a oportunidade de jogar a repescagem contra uma equipe da CAF para as Olimpíadas de Tóquio-2020. Em terceiro lugar, as argentinas, irão jogar a repescagem para a Copa contra alguma seleção da CONCACAF e vão juntamente com a quarta colocada, as colombianas, participar do Pan Americano em Lima, no Peru.

Postado por Gabriele Dallale Jovem de 21 anos, carioca, graduanda em Letras Português-Espanhol e divulga o futebol feminino.